Equador
Manabi. Foi nesta região, em 1860, que o café fez a sua primeira aparição no Equador. A irregularidade do território deste pequeno país da América do Sul faz com que os cafezais se estabeleçam nas planícies ou nas íngremes encostas das férteis e verdejantes montanhas equatorianas. Quando tostado corretamente o café do Equador revela-se como um dos mais exclusivos do planeta. O café arábica é maioritariamente da variedade Typica, que tem uma acidez distinta, equilibrada no palato, que revela em qualquer chávena de espresso um extraordinário segredo que merece ser revelado ao mundo.

Quito

Galápagos

Yasuni

Um país, um povo que reserva para visitantes sorrisos, simpatia, cordialidade e muita amizade. Um país desconhecido mas quando o percorremos ficamos surpreendidos pela sua riqueza. Rodeada por vulcões andinos e a 2800 metros de altitude, a capital do Equador, Quito, tem como principal atração o seu centro histórico. O que surpreende é o estado do conservação dos edifícios. Um cuidado reconhecido em 1978 pela UNESCO como  Património Cultural da Humanidade.

A ponto de interesse mais disputado do Equador é o arquipélago de Galápagos.  A sua fauna é de tal forma especial que marcou os pensamentos e conceitos da evolução das espécies de Charles Darwin. Iguanas, tartarugas-gigantes, leões-marinhos e uma abundante quantidade de espécies de aves, entre outros animais. Uma preciosidade que os equatorianos se orgulham e procuram preservar da forte pressão turística.

De volta ao Continente, permanecemos na natureza e viajamos até ao Parque Nacional Yasuni. 9620 km2 de zonas húmidas, pântanos, lagos, rios e floresta tropical. A sua assombrosa biodiversidade levou a Unesco a declará-la como uma reserva internacional da biosfera e parque nacional pouco depois, em 1979. Intocável. Facto que permitiu o crescimento de espécies ao longo dos séculos. Incluindo mais de 500 espécies de aves, algumas anteriormente desconhecidas e apenas existentes no Parque Nacional Yasuni. Animais residentes incluem alguns animais selvagens difíceis de visualizar na natureza, como jaguares, águias harpia, pumas e antas.

O QUE LEVAR

Canoa. Uma aldeia pacata com uma bela praia enquadrada por falésias. O Oceano Pacífico abraça as areias acompanhado por crepúsculos avassaladores. Depois do Sol e dos mergulhos, a noite transporta até Canoa grande animação em esplanadas equatorianas onde se preparam cocktails de rum.

Vale a pena viajar até à linha do Equador e descobrir esta nação recheada de património imperdível e de um povo generoso e inesquecível.

Roupa leve e fresca
Caso corta vento (se viajar para os Andes)
Calçado ligeiro e trekking
Vacinas em dia
Medicamentos para problemas intestinais
Repelente de insectos
Protetor Solar
Boné ou chapéu
Máquina fotográfica
Beijinhos de café SICAL
Uma sobremesa requintada com cheirinho a café, de uma das nossas Origens de eleição.

Tempo rápido 20 minutos
Dificuldade Fácil
4 pessoas