Etiópia
O cafeeiro Arábica teve origem na Etiópia, onde se desenvolvia em estado selvagem. A palavra café deriva do nome da cidade etíope Kaffa. Hoje, a Etiópia é um produtor importante e a qualidade dos seus cafés é das mais invulgares do mundo. O sabor não é acentuado nem intenso, nem tem muita acidez, não devendo ser muito torrado sob pena de perder as suas características. Neste país encontram-se todas as espécies de cultivo do café e o consumo doméstico de café é o mais elevado de África. No campo bebe-se frequentemente com uma erva conhecida como “saúde de Adão”, uma infusão normalmente acompanhada por uma pequena panqueca, com uma porção generosa de malaguetas.

Lalibela

Cascatas Blue Nile

Cidade-fortaleza de Fasil Ghebbi

Locais a não Perder

Com uma História e paisagens incríveis, a Etiópia surpreende a cada instante.

Lalibela, uma cidade do país onde se encontram igrejas monolíticas esculpidas nas rochas; as cascatas Blue Nile, uma das atrações turísticas mais conhecidas da Etiópia; e a Cidade-fortaleza de Fasil Ghebbi, cercada por uma muralha de 900 metros de comprimento, são apenas três das locais que merecem uma visita.

O QUE LEVAR

As nossas origens têm lugares imperdíveis, como o vulcão Erta Ale, um dos poucos vulcões no mundo com dois lagos de lava ativos.

Saco Cama para dormir sob as estrelas
Lenço para evitar a inalação de fumos do vulcão
Lanterna
Camarões em vinagrete de café SICAL
Para petisco ou entrada, esta receita de camarões em vinagrete de café vai conquistar os paladares mais exigentes.

Tempo rápido 25 minutos
Dificuldade Fácil
4 pessoas